sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Secretários da Administração de Cajazeiras participam de audiência pública com desembargador do Tribunal Regional Eleitoral

O vice-presidente do (Tribunal Regional Eleitoral), Desembargador Romero Marcelo esteve em Cajazeiras, na manhã desta sexta-feira (20), onde manteve reunião com representantes das prefeituras de Cajazeiras, Cachoeira dos Índios e Bom Jesus, presidente da Câmara Municipal e, Agentes Comunitários de Saúde (ACS).

Ainda estiveram presentes, os juízes eleitorais da Comarca local, Dr. Ricardo Henrique e Francisco Thiago Silva Rabelo.

O objetivo da audiência pública foi discutir estratégias para buscar junto ao eleitorado e, conscientizar o recadastramento por meio da biometria, já que o prazo termina em (30) de novembro deste ano.

Aproximadamente (quatorze mil) eleitores ainda não compareceram para realizar o recadastramento biométrico, para as zona eleitorais compreendidas pelas cidades de Cajazeiras, Bom Jesus e Cachoeira dos Índios. O desembargador alertou para quem não fizer a biometria, poderá ter o título cancelado e, consequentemente o CPF, além de outros impedimentos – perante órgãos públicos.

O desembargador pediu empenho aos (ACS), que os mesmos possam auxiliar na divulgação e convencimento para que os eleitores que não compareceram aos postos – queiram realizar com máxima urgência, pois o prazo está chegando ao fim.

O magistrado esclareceu também, mesmo que o eleitor já tenha mais de 70 anos, se faz necessário fazer o recadastramento biométrico, mesmo não sendo obrigado a votar, mas para não ter prejuízo com o cancelamento ou bloqueio do seu beneficio, ocasionado pelo possível cancelamento do CPF. Foram ouvidas sugestões e tirada dúvidas.



Secom

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Paraíba inicia nova etapa de cooperação com o Mercosul em extensão rural

O Governo do Estado, por meio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB), uma unidade da Gestão Unificada, vinculada à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Agropecuário e Pesca (Sedap) participará de duas novas missões técnicas no âmbito do Projeto Regional Fortalecimento do Setor Algodoeiro por meio da Cooperação Sul-Sul no período de 23 a 27 deste mês.

A ação ocorrerá na Argentina, Bolívia, Colômbia, Equador, Paraguai e Peru, com a participação dos Governos, da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), da Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores (ABC/MRE) e de instituições brasileiras como a Emater-PB, a Embrapa Algodão e a Associação Brasileira de Produtores de Algodão (Abrapa).

A primeira missão acontecerá em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, onde vai ser iniciado o projeto regional naquele país, e terá como representantes do governo boliviano membros do Ministério de Desenvolvimento Rural e Terras (MDRyT), Ministério de Desenvolvimento Produtivo e Economia Plural (MDPyEP) e seus órgãos vinculados.

Junto com os representantes brasileiros o grupo definirá o Plano Operativo Anual 2017/2018 e iniciará a etapa de reconhecimento das áreas e implementação das unidades técnicas demonstrativas – UTDs, que funcionarão como salas de aula para a realização das práticas com os agricultores e demonstração de sistemas de produção mais eficientes.

Nessa missão a Emater-PB será representada pelos engenheiros Agrônomos, Vlaminck Paiva Saraiva, Alexandre Alfredo Soares e José Sales W. Júnior.

Já a segunda missão será realizada em Lima, no Peru, onde o projeto está em fase mais avançada. Lá ocorrerão um workshop e uma oficina em assistência técnica e extensão rural, para fortalecer as instituições peruanas e profissionais que atuam nas principais zonas algodoeiras do país. Os extensionistas paraibanos Ailton Francisco e Justino Vieira participarão como facilitadores em metodologias participativas de Ater para os técnicos peruanos.

A Cooperação Sul-Sul Trilateral é uma iniciativa financiada pelo Governo Brasileiro com recursos de um contencioso decido na Organização Mundial de Comércio (OMC), entre os produtores de algodão do Brasil e dos EUA em virtude dos altos subsídios praticados pelo governo americano na produção nacional, ferindo acordos comerciais entre os países.
Essa iniciativa objetiva o desenvolvimento das cadeias produtivas do algodão nos demais países do Mercosul, com ênfase na segurança alimentar e combate à fome, por meio de sistemas de produção agroalimentares na agricultura familiar desses países.

Secom-PB

Atlético de Cajazeiras acerta retorno de lateral direito Peu

O ala direito "Peu" confirmou seu retorno ao Atlético de Cajazeiras para temporada 2018.

"Peu" fez parte do elenco atleticano, na última temporada e agora retorna ao clube cajazeirense, para somar e disputar uma vaga no time titular com Caio Felipe. "Peu" ganhou respeito com os torcedores cajazeirenses em suas atuações no Paraibano deste ano, pela sua vibração e entrega dentro de campo.

Por último, ele estava no Nacional de Patos e, foi Campeão da Segunda divisão.

A expectativa é que todo plantel seja apresentado na primeira semana de dezembro, junto com a Comissão Técnica, composta pelo treinador Índio, fisicultor Gustavo e, o preparador de goleiros Robério.



Com Futebol Total Aqui

Veja programação completa do IV Festival de Cinema de Sousa!

Um dos festivais cinematográficos mais importantes do interior da Paraíba, já está sendo preparado. O Festival de Cinema de Sousa - FESTISSAURO, realizado na cidade de Sousa, Sertão da Paraíba, chega a sua 4ª edição este ano com muitas exibições regionais e nacionais.
O objetivo do evento é juntar realizadores, produtores, estudiosos e espectadores do segmento audiovisual do sertão paraibano, de outras regiões da Paraíba e do Brasil, fomentando a cultura de produção audiovisual na região.
Os destaques desta edição ficam por conta das mostras competitivas de filmes, inclusive infantil; a exposição fotográfica Sertão do artista sousense Márcio Moraes e a homenagem ao cineasta sertanejo Laércio Filho.
Laércio Ferreira de Oliveira Filhocomeçou suas atividades no cinema em 2005 com o filme Memória Bendita, e  tem, no currículo, entre roteiros e direção, sete produções com destaque para ficção “Antoninha”, premiada em vários festivais de cinema pelo país
A organização do festival divulgou oficialmente a lista com os filmes que serão exibidos. Este ano, o evento acontece no Cineteatro da UFCG, no centro de Sousa.
Confira abaixo a programação completa do IV FESTISSAURO
PROGRAMAÇÃO
DE 23 A 25 DE OUTUBRO
Oficina: Fundamentos da Animação
Instrutor: André dias
Duração: 12hs
Local: IFPB-São Gonçalo
Horário: 13 as 17hs
DIA 26, QUARA-FEIRA
Manhã
8h - Oficina: Entendendo o cinema 3D e produzindo óculos para exibições
Instrutor: Adilson Barros
Duração: 8hs
Local: Biblioteca Humberto de Campos - Sousa
Horário: 7hs as 11hs
TARDE
14h30 - MOSTRAS COMPETITIVAS:

PASSAGEM DAS PEDRAS DE CURTA-METRAGEM NACIONAL
RASTRO DO BOI E DA EMA DE CURTA METRAGEM PARAIBANO

PELEJA NO SERTÃO - Animação | 14min. | 10 anos | Direção: Fabio Miranda | Cidade: Fortaleza-CE

A MALDIÇÃO DE CLARICE -Ficção | 20min. | 12 anos | Direção: Irene Ponciano | Campina Grande-PB

SEU JOSÉ - Documentário | 15min. | livre | Direção:  Sileno Alexandre | Cubatão-SP

MARIAS - Ficção | 15min. | 12 anos | Direção: Edem Ortegal | Goiânia-GO

O ERMITÃO DAS FLORES - Ficção | 18min. | livre | Diretor: Érik Medeiros | Campina Grande-PB

INDELÉVEl - Documentário | 20min. | livre | Direção: José Akashi Junior - Guilherme Minot | Anápolis - GO

SUPERDANCE - Ficção | 20min. | livre | Direção: Pedro Henrique | Fortaleza- CE

16h20 – TROCA DE IDEIAS COM OS REALIZADORES

NOITE

19h – ABERTURA DA EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA SERTÃO
Local: Hall do auditório da UFCG-Centro
Fotógrafo: Márcio Morais

19h20 – CERIMONIAL DE ABERTURA

19h30 – MOSTRAS COMPETITIVAS:

PASSAGEM DAS PEDRAS DE CURTA-METRAGEM NACIONAL       
RASTRO DO BOI E DA EMA DE CURTA METRAGEM PARAIBANO
REDEMUNHO - Ficção | 20min. | Livre | Direção: Marcélia Cartaxo | João Pessoa-PB
ZABÉ DA LOCA: A RAINHA DO PÍFANO - Documentário | 6min. | Livre | Direção: Dayara Sousa | Campina Grande-PB
MAIS QUE A CHUVA - Ficção | 7min. | Livre: 14 anos | Direção: Thiago Rodrigues | Areia-PB
O CINEMA NO VALE DO MAMANGUAPE - Documentário | 16min. | Livre | Direção: José Muniz | Mamanguape-PB
O MAR DE HELENA - Ficção | 20min. | 12 anos | Direção: Lucas Vasconcelos | Rio de Janeiro - RJ
EU ME PREOCUPO - Documentário | 19min. | Livre | Direção: Paulo Silver | Maceió - AL
TENTEI - Ficção | 15min. | 14 anos | Direção: Laís Melo | Curitiba - PR
ATRITO - Ficção |18min. | 16 anos | Direção: Diego Lima | João Pessoa-PB
21h15 – TROCA DE IDEIAS COM OS DIRETORES

DIA 27, SEXTA-FEIRA
MANHÃ
7h - Oficina: Entendendo o cinema 3D e produzindo óculos para exibições
Instrutor: Adilson Barros
Duração: 8hs
Local: Biblioteca Humberto de Campos - Sousa
Horário: 7hs as 11hs
9h  –  MOSTRA COMPETITIVA
PASSAGEM DAS PEDRAS DE CURTA-METRAGEM NACIONAL
SEÇÃO ESPECIAL SOUSATITAN DE FILMES INFANTO-JUVENIL
SOLITO - Animação | 5min. | Livre | Direção: Eduardo Reis | Porto Alegre – RS
A PISCINA DE CAÍQUE - Ficção | 15min. | Livre | Direção: Raphael Silva | Goiânia -GO
ÓRION - Ficção | 16min. 52seg | Livre | Direção: Rodriane D | Curitiba –PR
SONHOS DA ISAH - Animação | 5min. | Livre | Direção: Joao Costa | Governador Celso Ramos – SC
ÒRUN ÀIYÉ - A CRIAÇÃO DO MUNDO - Animação | 12min. | Livre | Direção:  Jamile  Coelho e  Cintia  Maria | Salvador-BA
PEQUENOS ANIMAIS SEM DONO - Ficção | 13min. | Livre | Direção: Maju de Paiva | Rio de Janeiro – RJ

TARDE
13h -  MOSTRA VELHO DO RIO DE FILMES CONVIDADOS
SEÇÃO ESPECIAL DO PROJETO CINEMA NO INTERIOR
OS CAÇADORES DA ARTE PERDIDA - Ficção | 15min |  Livre | Direção Coletivo Cinema no Interior | Sousa-PB
A TRILHA - ficção | 17min | 10 anos | Direção Coletivo Cinema no Interior | Belem do São Francisco-PE.
DESCAMINHOS - Ficção | 8min | 10 anos | Direção Coletivo Cinema no Interior | Manaira-PB
MANCHIK - Ficção | 15min | Livre | Direção Coletivo Cinema no Interior | Santa Elena do Uiairen, Venezuela.

14h40 – MOSTRAS COMPETITIVAS:

PASSAGEM DAS PEDRAS DE CURTA-METRAGEM NACIONAL

RASTRO DO BOI E DA EMA DE CURTA METRAGEM PARAIBANO

SOBRE UMA BORBOLETA E SEU CASULO - Ficção | 14min. | 10 anos | Direção: R.B. LIMA | João Pessoa – PB
XAVIER - Ficção | 13min. | Livre | Direção: Ricky Mastro | São Paulo -SP
DIAMANTE, O BAILARINA - Ficção | 20 min. | 12 anos | Direção: Pedro Jorge | São Paulo- SP
PELE SUJA MINHA CARNE - Ficção | 13min. | 12 anos | Direção: Bruno Ribeiro | Rio de Janeiro- RJ
HOSANA NAS ALTURAS - Ficção | 17min. 34seg | 16 anos | Direção: Eduardo Varandas | João Pessoa-PB

16h20 - TROCA DO IDEIAS: CINEMA NA ESCOLA: DIVERSIDADE SEXUAL EM FOCO
DEBATEDORA: DEPUTADA ESTELA BEZERRA

NOITE
19h20 -  MOSTRA COMPETITIVA

RIO DO PEIXE DE CURTA-METRAGEM SERTANEJO

SOB O SOL DE ROSA - Ficção | 20min. | 14 anos | Direção: Janduy Acendino e Wellington Oliveira | Cajazeiras-PB
ROTINA - Documentário | 5min.40seg | Livre | Direção:Tarciano Silva | Coremas-PB
ANDANTE ALEGRO E VIVANCE - Documentário | 20min. | Livre | Direção: Anderlúcia Caldas | Itaporanga-PB
O MISTÉRIO DA SERRA DO HOREBE - Ficção | 5min. | 12 anos | Direção: Lumenna Thayná e Lourival Neto | Monte Horebe-PB
LAMPIÃO E O CIMENTO - Documentário | 8min. | Livre | Direção: Diassis Pires | Coremas-PB
NA CARA - Ficção | 5min. | Livre | Direção: Coletiva | Sousa-PB
AROEIRA - Ficção | 10min. | 16 anos | Direção: Ramon Batista | Nazarezinho-PB
PRAÇA DE GUERRA - Documentário | 19min. | 12 anos | Direção: Ed Gomes | Catolé do Rocha –PB
NINO - Ficção | 20min. | 12 anos | Direção: Marcelo  Carvalho | Sousa-PB

21h30  – TROCA DE IDEIAS COM OS DIRETORES DOS FILMES

DIA 28, SABADO
TARDE
15h30 - MOSTRA VELHO DO RIO DE FILMES CONVIDADOS

O CANTO SECRETO DE ACAUÃ - Ficção | 15min. | Livre | Direção: Coletiva | Sousa-PB.

Troca de Ideias - alunos do ECI - Mestre Júlio Sarmento - Sousa-PB

19h30 – CERIMÔNIA DE HOMENAGEM AO CINEASTA LAERCIO FERREIRA DE OLIVEIRA FILHO

20h – CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO


Assessoria de Imprensa do Festissauro 

Justiça Federal derruba liminar que proibia enfermeiros de realizar consultas e pedir exames

Após a polêmica decisão do juiz Renato Borelli, da 20ª Vara Federal de Brasília, que a partir de uma ação movida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) limitava a atuação de enfermeiros – proibindo-os de realizar consultas e solicitar exames sem prévia autorização médica -, o presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), desembargador federal Hilton Queiroz, derrubou a liminar que impunha uma série restrições ao trabalho da categoria.

Na avaliação do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e do próprio Ministério da Saúde, a decisão publicada no dia 28 de setembro prejudicava o trabalho de Atenção Básica à Saúde. A liminar contrária aos enfermeiros, que impunha restrições à Portaria 2.488/2011, mobilizou uma série de protestos, convocados por conselhos regionais e sindicatos da categoria. O pedido foi movido pela Advocacia-Geral da União (AGU) contra a 20ª Vara Federal de Brasília, e a decisão do TRF-1 não cabe recurso, determinando o arquivamento do processo a partir desta quarta-feira, data de publicação do texto.

No pedido deferido pelo desembargador federal Hilton Queiroz, a AGU argumentou que a liminar se baseava em “premissas equivocadas” e representava “indevida ingerência do Poder Judiciário na execução da política pública de Atenção Básica do Sistema Único de Saúde”, gerando “grave lesão à ordem público-administrativa e à saúde pública”. Em nota publicada em seu site após o pedido da AGU, o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) argumentou que o pedido do CFM de limitação das atividades dos enfermeiros prejudicava a efetividade do atendimento na Atenção Básica e no pré-natal de baixo risco, “atrasando ou inviabilizando exames essenciais como VDRL, em um momento crítico no qual o Brasil enfrenta epidemia declarada de sífilis, associada a complicações graves, inclusive cegueira e morte neonatal”.

Ainda na nota, o conselho, que havia entrado com recurso no dia 29 de setembro, disse ainda que decisão afetava ainda programas de Saúde que atendem diabéticos e hipertensos, tuberculose, hanseníase, DST/Aids, dentre outros, “causando prejuízos graves à população.” Diante da polêmica decisão do juiz Renato Borelli, até mesmo o Ministério da Saúde emitiu uma nota contrária à liminar na semana passada. No texto, publicado no último dia 11, a pasta ressaltava que a decisão impacta diretamente no funcionamento das unidades básicas de saúde e na garantia do acesso da população.

A pasta considera que decisão poderia prejudicar a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB). “O SUS oferta suas ações e serviços de saúde a partir da atuação de equipes multidisciplinares, formadas por profissionais e trabalhadores de diversas áreas, ampliando a capacidade de resolução do atendimento assistencial, destacava o ministério em nota, frisando ainda os enfermeiros são “essenciais no cuidado em saúde”, como nas ações de prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, no programa de controle de hipertensão, diabetes e acompanhamento do pré-natal, entre outros.

O Conselho Federal de Medicina, por sua vez, disse em nota publicada logo após a liminar concedida pela 20ª Vara Federal de Brasília que a decisão, favorável ao pedido do CFM, não comprometia o funcionamento dos programas de saúde pública, no escopo da Política Nacional de Atenção Básica, pois não impedia os enfermeiros de repetirem práticas terapêuticas, bem como procedimentos e exames, desde que estes tenham sido solicitados previamente por médicos.

Ainda no texto, o conselho afirmava que a Portaria nº 2.488/2011 causa uma distorção ao permitir indevidamente aos enfermeiros a possibilidade de solicitar exames complementares, prescrever medicações e encaminhar pacientes a outros serviços, abrindo espaço para a invasão das atribuições dos profissionais da medicina. O CFM também cita na nota que a Lei do Exercício Profissional de Enermagem (7.498/1986), regulamentada no decreto 94.406/1987, não permite aos profissionais graduados em enfermagem executarem os procedimentos previstos na Portaria do Ministério da Saúde.



Globo.com

Gato com celulares preso ao corpo é sacrificado no Presídio Padrão de Cajazeiras

Um gato foi sacrificado na última quarta-feira (18), após ser flagrado caminhando pelo espaço geográfico do Presídio Regional Padrão de Cajazeiras, Sertão paraibano, com dois celulares e uma porção de maconha presos ao corpo.

De acordo com informações, o animal foi visto com fitas adesivas em volta do corpo, o que chamou a atenção da guarda e agentes de plantão.

O animal foi abatido e capturado, confirmado as suspeitas. O caso inusitado será investigado pela direção do Presídio.



Com informações de Ângelo Lima

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Superintendente regional do Bradesco tira dúvidas dos funcionários públicos sobre a folha de pessoal da Paraíba

O superintendente regional do Bradesco, Francisco Aquilino, em entrevista ao programa Correio Debate nesta quarta-feira (18), tirou algumas dúvidas que ainda permeiam a mudança de banco da folha do funcionalismo da Paraíba.

Francisco Aquilino destacou que é importante que o servidor acesse o link paraiba.bradesco ou entre em contato com a Central de Atendimento através do 3003-0330 para definir qual a agência é mais conveniente para ele ficar recebendo os seus provimentos, mas ressaltou que caso algum funcionário se veja impossibilitado de entrar em contato com o banco, ele não deixará de receber o salário.
“O site tinha o objetivo de dar a facilidade de escolha, mas se ele (o servidor) não fizer isso até o final do dia, o banco vai escolher e vai abrir a conta dele também num processo automático” esclareceu.
O superintendente também declarou que na próxima terça-feira (24) o link reabre para que os funcionários possam verificar o local para onde devem se dirigir para fazer a formalização da conta e o recadastramento que também é uma exigência licitatória.
“Quem já tem conta não precisa abrir uma nova conta, mas ele precisa habilitar e fazer o recadastramento que vai ser do dia trinta de outubro ao dia trinta de novembro. Em João Pessoa vão ter duas estruturas porque aqui tem uma grande demanda, também em Campina Grande, Sousa, Cajazeiras e Patos também vamos montar uma estrutura e demais cidades nas próprias agências” disse.



Correio

Idoso é encontrado morto sentado em cadeira em Santana de Mangueira, no Sertão paraibano

Um idoso, identificado apenas como Ivo, foi encontrado morto dentro da sua própria residência, na cidade de Santana de Mangueira, na manhã desta quarta-feira (18). 

De acordo com informações de populares, que estiveram no local, o homem estava sozinho na residência, em função da sua família se encontrar na capital do estado, João Pessoa.

Vizinhos sentiram a sua falta e foram até sua residência, onde foi encontrado morto, sentado em uma cadeira na cozinha da casa. 

Ainda de acordo com informações de populares, a causa morte pode ter sido infarto. 

Vale do Piancó Notícias

Paraíba vai realizar evento com pesquisadores da PUCRS sobre produção nacional de painéis solares

A partir do tema “A implantação de uma célula genuinamente brasileira para montagem das placas solares”, a Assembleia Legislativa da Paraíba, através da Comissão de Desenvolvimento Turismo e Meio Ambiente, presidida pelo deputado Jeová Campos, vai realizar um encontro para debater a produção nacional de painéis solares e ver a viabilidade de trazer para a Paraíba  um projeto similar ao realizado no Rio Grande do Sul. A realização deste evento foi definida ontem, terça-feira (17), pelo parlamentar paraibano durante visita a Pontífice Universidade Católica (PUC RS) e encontro com os professores doutores da instituição gaúcha, Adriano Moehlecke e Izete Zanesco, além do professor adjunto Sérgio Garcia, que desenvolvem uma tecnologia científica 100% nacional de fabricação de células fotovoltaicas.

Jeová, que viajou a convite do Comitê de Energia Renovável do Semiárido da Paraíba (Cersa), conheceu a tecnologia brasileira de fabricação dos painéis que transformam a radiação solar em energia. Segundo o deputado, a tecnologia nacional ainda precisa dominar uma fase inicial que é a da purificação do silício, mas já avançou bastante. “A tecnologia é extremamente esperançosa para o futuro, mas no presente ainda é necessário ter uma política de Estado para que se possa aproveitar, efetivamente, a radiação limpa do sol e transformá-la em energia”, explica Jeová.

Para ele, ficou claro após a visita ao laboratório da PUCRS que o Brasil tem sim condições e tecnologia para produzir as placas solares, já com o próprio melhoramento do silício, mas isso só acontecerá a médio e longo prazo. “Um dia o Brasil ainda será autossuficiente  na produção de painéis solares, por enquanto ainda dependemos muito da China, mas a ideia deste encontro de dezembro é começar a inserir a Paraíba neste processo já que temos um enorme potencial de radiação solar”, reitera Jeová. O parlamentar estava acompanhado do professor do IFPB, Walmeran Trindade e do Coordenador Nacional da Frente Por Uma Política Energética para o Brasil, o engenheiro Joilson Costa.



Assessoria