.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Confira aqui a lista completa das pessoas que recebem o Bolsa Família no município de Cajazeiras

Fraudes envolvendo o “Bolsa Família”, do governo federal, está beneficiando funcionários públicos e até mesmo pessoas que já morreram em diversos estados do Brasil. No município de Cajazeiras, há quem diga, que existem pessoas fora do perfil e usam endereços falsos para se cadastrar no programa.

Ainda de acordo com informações ventiladas na imprensa local, existem beneficiários que são agentes políticos, pequenos empresários e comerciantes e até mesmo servidores públicos recebendo o Bolsa Família, na Terre do Padre Rolim.

A lista é atualizada mensalmente, conforme o Governo Federal disponibiliza os dados do Bolsa Família no Portal da Transparência. Para ter acesso aos beneficiários do programa em Cajazeiras, é necessário apenas CLICAR AQUI!


Prefeitura de Cajazeiras substitui “tachões” por novas lombadas e conclui pavimentação da Aldo Matos de Sá

WhatsApp-Image-20160525 (7)Por determinação da Prefeitura de Cajazeiras, a Secretaria de Infraestrutura em parceria com a equipe da SCTrans está concluindo o trabalho de pavimentação na Avenida Aldo Matos de Sá e transformando em lombadas, os “tachões” espalhados pela cidade.
De acordo com a equipe da SCTrans, o serviço é uma solicitação da comunidade que prefere as lombadas aos tachões (gelos baianos) implantados nas ruas com o intuito de reduzir a velocidade dos veículos. A solicitação também foi feita pelos mototaxistas da cidade e atendida pela prefeita Denise Albuquerque.
Desta forma, todos os tachões da cidade devem ser cobertos e em seus lugares ficarão instaladas lombadas. A SCTrans comunicou ainda que, a pintura das referidas lombadas ocorre na próxima semana.
WhatsApp-Image-20160525 (6)
Aldo Matos – Já o trabalho realizado na Avenida Aldo Matos de Sá é a conclusão da pavimentação. A Avenida que é uma obra priorizada pela administração municipal já está aberta há algum tempo e está recebendo os últimos retoques para facilitar o trânsito em Cajazeiras.
WhatsApp-Image-20160525 (9)WhatsApp-Image-20160525 (8)
Secom

Alunos acampam na sala do diretor da UFCG de Cajazeiras por melhorias nas residências

Grupo de alunos levou cartazes, faixas e armaram redes no bloco onde fica a sala da direção.


Estudantes que moram nas residências universitárias do campus da UFCG em Cajazeiras fizeram uma ocupação em frente à sala do diretor do campus, Antônio Fernandes, para cobrar melhorias na infraestrutura das residências e no suporte alimentício oferecido pela universidade.
Um grupo de alunos levou cartazes, faixas e armaram redes no bloco onde fica a sala da direção e prometem que só sairão de lá quando conseguirem conversar com o diretor.

De acordo com Will Lima, aluno do curso de Geografia, as residências precisam de reformas urgentes, pois apresentam infiltrações e rachaduras nas paredes e teto, infestação de insetos perigosos, falta segurança nas redondezas – sobretudo na residência feminina – e às vezes falta água e alimentação.

O estudante revela ainda que já aconteceu de chegar alimentos visivelmente estragados nas residências. Eles resolveram então acampar em frente à sala da direção porque, segundo Will Lima, o diretor marca reuniões com os alunos para discutir o problema, mas não comparece.

“Já tentamos o diálogo várias vezes com o diretor. Não é a primeira vez. Saímos sempre com acordos, mas ele, irresponsavelmente, falta com os acordos, negligencia, marca datas e diz que esqueceu. É sempre assim, não tem transparência nenhuma”, reclama o estudante.

A reportagem tentou ouvir o diretor, mas ele não foi localizado no campus.

Diário do Sertão

Presidente Dilma Rousseff virá à Paraíba participar de uma audiência pública na ALPB

Requerimento do deputado estadual Jeová Campos, propondo a realização da audiência foi aprovado por unanimidade, durante votação na última terça-feira (24).

Os deputados paraibanos aprovaram na terça-feira (24), por unanimidade, o requerimento de Nº 5.089/2016, de autoria do deputado Jeová Campos (PSB), que propõe a realização de uma Audiência Pública com o objetivo de debater a democracia e o atual momento político brasileiro. A presidente Dilma Rousseff será a principal interlocutora deste momento. O deputado Jeová já entrou em contato com a assessoria da presidente Dilma solicitando a reserva de uma data na agenda dela para que se possa marcar o dia da realização do evento na ALPB.

“Estou muito feliz, inclusive, pela sensibilidade de todos os deputados da Casa que entenderam a importância deste momento e deste debate na atual conjuntura nacional e aprovaram a minha solicitação. Vamos fazer um debate de altíssimo nível, esclarecedor e sobretudo oportuno e com a presença do principal agente político brasileiro da atualidade”, afirma Jeová.

Assim que o requerimento foi aprovado, o parlamentar entrou em contato com a assessoria da presidente, solicitando a inclusão do evento na agenda dela o quanto antes. “Só estamos esperando a definição da data para marcarmos o dia da audiência”, disse Jeová.


Assessoria

Presidente Raimundo Lira confirma que reunião da Comissão do Impeachment foi adiada para esta quarta-feira

A Comissão Especial do Senado Federal que analisa o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff adiou para esta quarta-feira (25) a sua reunião para definir o cronograma de trabalho, que será votado pelos membros do colegiado. O adiamento foi confirmado pelo presidente da Comissão, senador Raimundo Lira (PMDB-PB).

O debate sobre o plano de trabalho da comissão para a continuidade do processo ocorreria nesta terça-feira, mas como houve convocação do Congresso Nacional para as 11 horas da manhã, para votar a nova meta fiscal, o presidente Raimundo Lira decidiu pelo adiamento.

Raimundo Lira confirmou que, nesta etapa, os trabalhos concentram-se na comissão, com a produção de provas, audiência de testemunhas, diligências e debates entre a acusação e a defesa. A Comissão Especial do Impeachment continua a ser presidida por Lira, mas caberá ao presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, coordenar as atividades.

Procedimentos – Ao assumir essa função, também em 12 de maio, Lewandowski afirmou que os juízes são os senadores e que ele atuará como um órgão recursal. O presidente do STF disse ainda que os procedimentos a serem seguidos são baseados no processo de impeachment do presidente Fernando Collor, em 1992.

Os senadores Raimundo Lira e Antonio Anastasia, Ricardo Lewandowski, técnicos da Comissão Especial do Impeachment e do STF se reuniram na terça-feira passada (17) para discutir os aspectos legais do processo de impedimento. Ao sair do encontro, Lira disse que anunciaria o calendário da nova etapa nesta reunião de amanhã.

Segundo Raimundo Lira, os integrantes do colegiado decidirão por voto se as investigações vão durar menos de 180 dias, período máximo de afastamento de Dilma.


Assessoria de Imprensa
Gabinete do Senador Raimundo Lira – PMDB/PB

Luiz Couto lê nota de repúdio à extinção de ministérios

O deputado Luiz Couto (PT-PB) registrou, em plenário, nota do Conselho Nacional dos Direitos Humanos publicada no dia 16 de maio último, onde a entidade manifesta-se contrariamente à extinção do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos e à fusão deste com o Ministério da Justiça e Cidadania.
Segundo o Conselho, a existência de pasta específica para tratar dos direitos humanos é fundamental para o fortalecimento das ações de reparação, promoção e defesa desses direitos, com as quais o Estado brasileiro está comprometido, tanto por força da legislação nacional quanto do não retrocesso em direitos humanos.
O Conselho Nacional dos Direitos Humanos alerta sobre a situação de 2005, onde a secretaria fazia parte da pasta dentro da Secretaria Geral da Presidência da República, causando assim prejuízos e dificuldades para garantir a execução orçamentaria e a implementação de projetos.
“Nós, parlamentares e defensores de direitos humanos nesta Casa reafirmamos que este novo governo Temer é um impasse e um retrocesso às garantias e direitos estabelecidos na Constituição ao tema”, enfatizou o parlamentar.
Para ele, com a pasta de Direitos Humanos no Ministério da Justiça, além da democracia, morrerá também os direitos humanos neste país e se este governo continuar ele já demonstra o que enfrentaremos daqui para frente, um novo estado de exceção com raízes autoritárias.

Ascom do Dep. Luiz Couto

terça-feira, 24 de maio de 2016

Governo do Estado começa mais uma etapa de formação na metodologia Liga pela Paz

A Secretaria de Estado da Educação iniciou na última segunda-feira (23) o período de formação de educadores na metodologia Liga pela Paz. A capacitação está sendo realizada na Escola Padre Hildon Bandeira, no bairro da Torre, em João Pessoa, para 529 profissionais, até esta terça-feira (24). Em seguida continua com um calendário de formação até o dia 09 de junho, nas 14 Regionais de Educação do Estado, para 1.732 educadores, beneficiando, posteriormente, cerca de 100 mil alunos da rede estadual de ensino.

Para a secretária executiva de Estado de Gestão Pedagógica da Educação, Roziane Marinho, esta nova etapa de formação é essencial. “Nossas expectativas são as melhores. É um momento que fortalece uma ação da Secretaria da Educação que já vinha acontecendo, de construção da Cultura de Paz no Estado. Significa uma consolidação desse projeto, que se expande para os anos finais exatamente pelos resultados que já conseguimos com os anos iniciais do Ensino Fundamental. Além disso, essa proposta de formação possibilita a qualificação das práticas pedagógicas do professor, de forma que este possa contribuir com o desenvolvimento das competências socioemocionais dos alunos e também das famílias”, reforça a Secretária.

Marta Medeiros, gerente executiva de Educação Infantil e Ensino Fundamental da Secretaria de Estado da Educação, diz que essa experiência inovadora contribui para a disseminação para a construção de uma verdadeira Cultura de Paz e Não Violência. “Sabemos que os alunos estão em desenvolvimento, em interação social cotidiana, que precisam se respeitar, perceber a individualidade sua e do outro para poder interagir de forma coletiva, fraternal, cordial, escutando e sendo escutado, tendo limites e concentrando-se para permitir que haja de forma democrática a troca de saberes”, explicou a gerente.

Segundo ela, a Liga Pela Paz permite ao aluno uma postura cidadã, descobrindo seus direitos e deveres, tendo opinião, chance de criar, participar, perceber as desigualdades sociais, e a possibilidade de crescimento, tanto intelectual quanto emocional. “Que essa Cultura de Paz se faça chegar à comunidade educativa, que ela reconheça a escola como um espaço social e que estamos focados no respeito, na compreensão da diversidade e na pluralidade cultural, valorizando o SER. Respeito que é, em si, devido a todo ser humano, por sua dignidade intrínseca, sem qualquer discriminação”, complementou.

Uma das professoras que participaram do encontro de formação, nesta segunda-feira, foi Silvana Marne, da Escola Frei Martinho, em Cruz das Armas. “Eu participei da formação anterior e vi como os alunos mudaram em sala de aula depois que passei a praticar os conhecimentos adquiridos com a Liga pela Paz”, falou. “É muito importante falar sobre as emoções. A inteligência emocional, hoje, é fundamental para melhorar a aprendizagem dos estudantes. Muitas vezes, eles chegam de uma rotina de violência, de falta de afetividade, e nós estamos ali na escola para complementar essa educação, construir outra realidade”, ressaltou a professora.

A coordenadora do pólo Nordeste da metodologia Liga pela Paz, Maíse Cordeiro, explicou que a formação inicial dos educadores inclui: a estrutura do conteúdo que deve ser trabalho em sala de aula, estratégias de melhoria de convivência com os alunos, melhoria de aprendizagem, explicações sobre como avaliar os resultados etc. “Temos a parte teórica da formação, mas também existe a parte prática, com dinâmicas e técnicas de desenvolvimento da quietude e atenção, grupos de diálogo, acompanhamento pedagógico, entre outros assuntos relacionados ao bom convívio na escola”.

Calendário – No próximo dia 25, a formação de educadores vai ser realizada na 3ª GRE, em Campina Grande. O evento está marcado para acontecer no Centro de Formação de Educadores da cidade e deve atender a 255 profissionais. Depois, o calendário segue uma programação, como já divulgada pela SEE, até o dia 9 de junho, em todo o Estado.

Liga pela Paz – A metodologia começou a ser aplicada em 2014, na Paraíba, com a proposta de implantar uma cultura de paz e não violência nas escolas, bem como contribuir para melhoria da aprendizagem e da convivência dos alunos. A iniciativa já conseguiu reduzir em 34% os comportamentos problemáticos na sala de aula, como: agressividade destrutiva, hiperatividade e tristeza/depressão. Este ano, além dos alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I, a metodologia se estende aos estudantes de 6º e 7º anos do Ensino Fundamental II, com conteúdo teórico e atividades psicopedagógicas, que serão ministradas por professores de Artes.

Secom

Fotos: Max Brito

Museu Digital de Campina Grande funcionará no Memorial aos 150 anos

Campina Grande, cidade conhecida por ser a terra do Maior São João do Mundo e pólo tecnológico e universitário, ganhará duas novidades que terão seus projetos anunciados no dia 30 de maio.

A primeira será uma instalação temporária, a “Vila dos Tropeiros”. A outra vem para revolucionar o conceito de museus na cidade: o Museu Digital de Campina Grande, que será instalado no Memorial aos 150 anos e estará aberto ao público a partir do mês de julho.

O lançamento desses dois projetos será feito pela equipe do Sesi, que através de uma parceria com a Prefeitura Municipal de Campina Grande, passa a administrar o Memorial, em regime de comodato, por exatos 30 anos.

Segundo a assessoria de imprensa do Sesi, a partir das 16h do dia 30 de maio, será lançado o projeto “Vila dos Tropeiros”, instalação no estacionamento do Memorial, que oferecerá aos visitantes um São João tradicional, remetendo às antigas quermesses dos eventos juninos do Nordeste de antigamente.

O secretário de Obras e Planejamento do município, André Agra, disse que a “Vila dos Tropeiros” será um atrativo a mais na programação do Maior São João do Mundo.

O local, que será uma cidade cenográfica planejada e comandada pelo Sesi, ficará aberto para visitação de 3 de junho a 3 julho, das 16h às 22h, com apresentações artísticas e barracas de vendas.

Já o projeto do Museu Digital de Campina Grande será apresentado às 19h, também no estacionamento do Memorial, e aprevisão é de que no mês de julho ele esteja pronto e seja aberto para visitações do público em geral.

“O Museu Digital de Campina Grande contará a história da cidade através da travessia dos tropeiros. Por isso, o local de sua instalação não poderia ser outro. Edificado às margens do Açude Velho para marcar os 150 anos de Campina, o Memorial exibe a escultura do tropeiro e seus cavalos, símbolo da evolução do desbravamento da “Rainha da Borborema”, e atrai a curiosidade dos visitantes pelos conceitos embutidos em sua concepção”, explicou André Agra.

Com 80 toneladas de estrutura metálica, o Memorial aos 150 anos de Campina Grande foi projetado pelo arquiteto Argemiro Brito Monteiro da Franca, a pedido do prefeito Romero Rodrigues, com o objetivo de resgatar a história da cidade em comemoração aos seus 150 anos.

Ainda segundo o secretário André Agra, o local “já é um cartão postal, tendo como pano de fundo o espelho d’água do Açude Velho, base inicial de abastecimento dos tropeiros, dignamente homenageados no Memorial. Agora, com a instalação de um moderno Museu Digital, ele contará a história da cidade com meios tecnológicos, atraindo visitantes de todas as idades”, ressaltou.

Palco para a Tocha Olímpica

Já no dia 2 de junho, o Memorial servirá de pano de fundo para a cerimônia de acendimento simbólico da Tocha Olímpica.

De acordo com Catharine Brasil, coordenadora de Turismo do município, a escolha do local foi baseada em seu significado histórico e no espaço disponível para o público.

A cerimônia, prevista para acontecer a partir das 17h – depois que a Tocha percorrer as ruas de Campina Grande, contará com apresentações de grupos folclóricos, quadrilhas juninas e dos artistas Capilé e Luan Estilizado, oferecendo ao comboio que acompanha a Tocha e aos campinenses uma prévia do Maior São João do Mundo.


Assessoria-PMCG

Estudos científicos explicam como é a sensação de morrer

A cada minuto, cerca de 108 pessoas morrem em nosso planeta - mas o que estas pessoas sentem no momento da morte?


Ver as imagens

Cientistas e pessoas que estiveram muito perto da morte dizem que a presença de um “túnel longo e escuro” ou de experiências religiosas é apenas uma parte do processo.
Alguns afirmaram que estavam cientes de eventos reais ocorrendo ao seu redor - mesmo quando seus corações haviam parado de bater.
Outros falam de encontros com amigos e pessoas amadas, como se o corpo estivesse nos preparando psicologicamente para a morte.
O que as pessoas que “morreram” dizem?


Ver as imagens

Muitas pessoas que passaram por paradas cardíacas compartilharam suas experiências online - com uma discussão popular sobre o assunto no site de perguntas e respostas Quora.
O aspecto que une muitas das experiências - tanto de pessoas religiosas quanto não religiosas - é uma sensação de calma.
Barbara escreveu: “Embora eu pudesse ouvir perfeitamente - o som do monitor quando meu coração parou, o início do procedimento de reanimação, todos falando ao mesmo tempo - eu não tinha nenhuma outra sensação.”
“Enquanto eu afundava na inconsciência, eu me sentia muito calma, relaxada, sem a necessidade de respirar, sem motivo para me alarmar, sem sentir nenhuma dor, totalmente em paz. Tudo ficou escuro nos cantos do meu campo de visão, até que havia apenas escuridão.”
Terrance escreveu: “Eu tive uma experiência. Não havia uma luz clara. Jesus não apareceu. É apenas uma aceitação da realidade, um fim definitivo, como terminar um livro. Eu senti a vida escapando, fui ficando muito cansado, e só conseguia pensar nas coisas que não tinha conquistado.”
Aaron escreveu: “Há muitos anos eu tive uma parada cardíaca no pronto-socorro. Meus sentidos me deixaram, um por um. A primeira coisa que desapareceu foi o tato, seguido pela audição. A última foi a visão, deixando-me com um campo completamente branco, e pensamentos que pareciam estar cada vez mais longe uns dos outros.
Experiências "pré-morte”


Ver as imagens

Muitas pessoas chegando ao fim de suas vidas têm alucinações ou visões envolvendo amigos ou parentes mortos.
Pesquisadores da Canisius College, em Nova Iorque, entrevistaram 66 pacientes terminais em um hospício. Eles escreveram: “Conforme os participantes se aproximavam da morte, sonhos/visões reconfortantes de pessoas falecidas se tornavam mais comuns,
"O impacto das experiências pré-morte em indivíduos perto de morrer e em seus familiares pode ser profundamente significativo…
"Estas visões podem ocorrer meses, semanas, dias ou horas antes da morte, e tipicamente diminuem o medo de morrer, fazendo com que a transição entre a vida e a morte seja mais fácil para aqueles que estão passando por ela.”

Yahoo

Na Itália, José Aldemir recebe homenagem e articula investimentos para o Alto Sertão paraibano

Na província de Dell Àquilla, na Itália, o deputado estadual José Aldemir (PP) articula com empresários daquele país investimentos na área da construção civil para o Estado da Paraíba, mais precisamente no Alto Sertão paraibano. 

Na noite de ontem (23), José Aldemir foi homenageado pelas mãos do presidente da Ordem dos Engenheiros da Província de Dell Àquila, Hélio Masciovecchio, com livro que narra a história da construção e reconstrução da província italiana após ser destruída por desastre natural.

Nesta terça-feira (24), no Congresso Internacional da Construção e Reconstrução de Dell Àquila, José Aldemir profere palestra sobre a economia e potencialidade de investimentos no Alto Sertão paraibano. 

Recentemente, o parlamentar foi o anfitrião de uma comitiva formada por empresários e engenheiros italianos, que visitaram a Paraíba para conhecer o mercado local. À época da visita, uma Sessão Especial para discutir o cenário mercadológico foi realizada na Assembleia Legislativa, tendo, inclusive, destaque na mídia internacional.
Além de José Aldemir, integram a comitiva de brasileiros naquele país a esposa do parlamentar, doutora Paula L.C. de Almeida, a presidente do Conselho Regional de Engenharia, Giucélia Figueiredo, a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico da Paraíba, Cassandra Oliveira, além do empresário Fábio da Silva Paiva.
 
Assessoria

Ônibus com estudantes derrapa e fica atolado na estrada de Boqueirão; motoristas cobram melhoria no local

A população continua sofrendo com a situação da estrada de acesso ao Distrito de Boqueirão em Cajazeiras. A precariedade da estrada prejudica muito o acesso das pessoas que sofrem diariamente tendo que enfrentar aquela estrada para se deslocar a cidade.

Na manhã desta terça-feira (24), populares flagraram o momento em que um ônibus conduzindo estudantes derrapou na estrada de barro, ficando atolado - não sendo possível seguir viajem. Os estudantes ficaram no meio da estrada a espera de carona para chegar à escola na sede do município.

A população clama pelo asfaltamento daquela estrada, sendo essa a única forma de minimizar a situação, mas até o momento sem previsão de iniciar os trabalhos.


Da redação
Com CZN

Descaso! Presidente de associação de moto-taxistas denuncia abandono de prédio do antigo supletivo em Cajazeiras

Agustinho Diniz Filho presidente da Associação dos Moto-taxistas de Cajazeiras, procurou a nossa reportagem, após os motoqueiros procurá-lo para relatar uma denuncia de um prédio do governo da Paraíba, abandonado, que funcionava o supletivo e está localizado à Avenida Comandante Vital Rolim, em frente ao Shopping Cajazeiras.

As imagens denunciam o abandono de cadeiras, portas, ferramentas, lixo, entre outros, é o dinheiro público abandonado, tendo em vista que o local poderia funcionar.

O presidente faz apelo ao governo que limpe o local que está abandonado e que há uma grande quantidade de lixo e mato com isso acarretando doenças.

Ele solicita aos representantes do governo em Cajazeiras que tomem providências, e preocupado com a saúde de sua classe o presidente alerta que há focos de mosquitos da dengue.

E adverte que não é responsabilidade da prefeitura e sim do governo do Estado, e lembra “a associação não tem lado politico”, finaliza.

OUTRO LADO:


A nossa reportagem entrou em contato com a gerente da 9° Gerência de Educação de Cajazeiras, Andreia Braga que marcou para o dia seguinte, esta terça-feira (24), para se reportar sobre a denúncia.


sertaodaparaiba

Escabroso: prefeito de Aguiar nomeia 162 assessores comissionados e maioria é “fantasma” residente fora do município

O Tribunal de Contas do Estado, através do Portal de Transparência Pública (SAGRES), divulgou no último mês de março a relação nominal dos assessores do prefeito de Aguiar, Manoel Batista Guedes (o Tintim) que ocupam cargos de comissão. Ao todo são 162 pessoas, muitas delas residente em outras cidades e até em regiões do sul do país, o que representam mensalmente na folha de pagamento R$ 193.042,00.

Esses comissionados, alguns considerados “fantasmas”, porque nunca compareceram para trabalhar no município de Aguiar, ocupam 101 funções que, supostamente não foram criadas com o aval da Câmara Municipal, já que para suas criações são necessárias total estrutura para o cargo.

Tomando-se como parâmetro o artigo 37 da Constituição Federal, que trata da criação de cargos comissionados sem a devida estrutura, o gestor municipal pode responder por crime administrativo pelo fato de ter nomeado pessoas para os cargos comissionados sem a mínima estrutura em conformidade com a lei, burlando a prática do concurso público.

Conforme o Portal da Transparência Pública (SAGRES), a Prefeitura de Aguiar tem apenas 174 funcionários efetivos, 7 eletivos e 162 cargos comissionados. Com os números apresentados, a Prefeitura Municipal de Aguiar infringe a lei, uma vez que, para cada servidor efetivo, corresponde um cargo comissionado, sendo a diferença apenas de 12 servidores.

A Denúncia, por sua vez, já chegou ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas do Estado, que, nos próximos dias estará dando explicações sobre o ocorrido.

CONFIRA A LISTA DOS CARGOS E NOMES DOS 162 SERVIDORES COMISSIONADOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE AGUIAR-PB, clicando AQUI! 

segunda-feira, 23 de maio de 2016

SCTrans inicia recadastramentos dos postos de mototaxistas de Cajazeiras

motoq
A equipe da SCTrans, através do superintendente Aderson Rolim comunica que começou nesta segunda-feira (23) o recadastramento dos postos de mototaxistas.

O recadastramento está acontecendo na sede da SCTrans, localizada na Rua Barão do Rio Branco, em frente ao estádio Higino Pires e vai até sexta-feira (27).
Os postos a seres recadastrados esta semana são os seguintes:
Posto 05 – Nossa Senhora Aparecida (Rua Julio Marques do Nascimento);
Posto 06 – Nossa Senhora dos Remédios (Rua Leonardo Rolim);
Posto 07 – Moto-táxi São Jorge (Rua Julio Pajeú);
Posto 08 – Moto-táxi Populares (Rua Químico Francisco Braga Barreto).
Secom